Apple II

O Apple II foi um modelo de computador fabricado pela Apple Inc. no final da década de 1970. O primeiro Apple II foi vendido em 10 de Junho de 1977, equipado com um processador MOS Technology 6502 com um clock de 1 MHz, 4 kB de memória RAM, um interface para fitas cassetes de áudio e uma ROM que incluía um interpretador de BASIC. O controlador de vídeo apresentava 24 linhas com 40 colunas de carateres (apenas letras maiúsculas), com saída NTSC para um monitor ou, através de um modulador RF, para uma televisão. Os utilizadores podiam gravar e carregar os programas a partir de um gravador de cassetes áudio. O preço de venda variava entre USD $1.298,00 (com 4 kB RAM) e USD $ 2.638,00 (com 48 kB RAM).

Fonte e mais detalhes aqui

Anúncios

PDP-11

PDP-11 foi uma série de minicomputadores de 16 bits fabricada pela empresa Digital Equipment Corp. nas décadas de 1970 e 1980. Foi pioneira na interconexão de todos os elementos do sistema — processador, memória RAM e periféricos — a um único barramento de comunicação, bidirecional, assíncrono. Este dispositivo, chamado Unibus permitia aos dispositivos enviar, receber ou trocar dados sem a necessidade de uma passagem intermediária pela memória. A série PDP-11 foi uma das séries de minicomputadores mais vendidas de sua época e uma das primeiras a executar o SO Unix, desenvolvido nos Laboratórios Bell.

Fonte e mais detalhes aqui

CP/M

CP/M (um acrônimo para Control Program for Microcomputers ou “Programa de Controle para Microcomputadores”, é um sistema operacional em disco desenhado para os processadores Intel 8080, Intel 8085 e Zilog Z80. Foi desenvolvido por Gary Kildall da Digital Research, Inc e utilizado amplamente nos microcomputadores CPC, Commodore 128, TRS-80 e BBC Micro.

Fonte e mais detalhes aqui

IBM PC

O IBM PC (Personal Computer ou “computador pessoal”) foi a versão original e progenitor da plataforma de hardware dos “IBM PC compatíveis”. Lançado em 12 de Agosto de 1981, o modelo original recebeu a denominação IBM 5150. Seu desenvolvimento ficou a cargo de uma equipe de doze engenheiros e projetistas sob a direção de Don Estridge da IBM Entry Systems Division em Boca Raton, Flórida.

Fonte e mais detalhes aqui

Mainframe

Um mainframe é um computador de grande porte que se trata de um monte de computadores pequeninos, dedicado normalmente ao processamento de um volume grande de informações. Os mainframes são capazes de oferecer serviços de processamento a milhares de usuários através de milhares de terminais conectados diretamente ou através de uma rede. Foram muito utilizados em guerra para calculo. (O termo mainframe se refere ao gabinete principal que alojava a unidade central de processamento nos primeiros computadores).

Fonte e mais detalhes aqui

ENIAC

Electronic Numerical Integrator and Computer (ENIAC – em português: computador integrador numérico eletrônico) foi o primeiro computador digital eletrônico de grande escala. Muitos comentam que o primeiro foi o Mark I, mas este era apenas eletromecânico. Foi criado em fevereiro de 1946 pelos cientistas norte-americanos John Eckert e John Mauchly, da Electronic Control Company. O ENIAC começou a ser desenvolvido em 1943 durante a II Guerra Mundial para computar trajetórias táticas que exigissem conhecimento substancial em matemática, mas só se tornou operacional após o final da guerra.

Fonte e mais detalhes aqui

Intel 8085

O Intel 8085 foi um microprocessador de 8 bits produzido pela Intel em meados dos anos 1970. Ele era compatível a nível binário com o popular Intel 8080, mas precisava de menos hardware de suporte, permitindo assim a construção de sistemas mais simples e menos dispendiosos. O sistema tem todas as instruções do 8080 acrescido de mais duas, (RIM e SIM). Com isso, os softwares do 8080 são totalmente compatíveis com o processador 8085.

Fonte e mais detalhes aqui

Intel 8086

O 8086 é um microprocessador de 16 bits da Intel que é suposto ser usado como CPU. Quando se diz que é um processador de 16 bits, quer-se dizer que a sua unidade lógica e aritmética, os seus registradores internos, e a maior parte das suas instruções foram concebidos para trabalhar com palavras de 16 bits. Além disso o 8086 tem um barramento de dados de 16 bits, ou seja, pode ler e escrever na memória ou nas portas 16 bits de uma só vez. O barramento de endereços é de 20 bits, ou seja o 8086 consegue endereçar 1 MiB (2^20) posições de memória. Cada uma destas posições de memória é ocupada por um byte.

Fonte e mais detalhes aqui

PDP-8

A máquina de 12 bits PDP-8 foi o primeiro sucesso comercial (pois foi) minicomputador, produzida pela Digital Equipment Corporation (DEC) na década de 1960. DEC introduziu-o em 22 março de 1965, e vendeu mais de 50.000 sistemas, mais do que qualquer computador até essa data.[1] Foi o primeiro computador amplamente vendido das séries de computadores da DEC (o PDP-5 não foi originalmente destinados a ser um computador de uso geral).

Fonte e mais detalhes aqui

Zilog Z80

O Zilog Z80 é um microprocessador de 8 bits projetado e vendido pela Zilog a partir de julho de 1976. Foi amplamente usado, tanto em microcomputadores desktop quanto em sistemas embarcados, centrais telefônicas e para fins militares. O Z80, seus derivados e clones constituem uma das famílias de UCPs mais usadas em todos os tempos e, juntamente com a família MOS Technology 6502 dominou o mercado de microcomputadores de 8 bits de fins da década de 1970 até meados dos anos 1980.

Fonte e mais detalhes aqui.

6502

O MOS Technology 6502 é um microprocessador de 8 bits projetado por Chuck Peddle para a MOS Technology em 1975. Quando foi apresentado, era a UCP completa mais barata do mercado, custando cerca de 1/6 (ou menos) do preço de dispositivos similares feitos por grandes empresas concorrentes, como Motorola e Intel. Era ainda mais rápido do que a maioria deles, e, juntamente com o Zilog Z80, deu origem a uma série de projetos de computadores que eventualmente resultaram na revolução dos computadores domésticos dos anos 1980. A fabricação do 6502 foi também suprida originalmente pela Rockwell e Synertek, e posteriormente licenciada para várias outras empresas; ele ainda é produzido para uso em sistemas embarcados.

Fonte e mais detalhes aqui.

General Instrument

A GI General instrument foi uma fabricante de produtos eletrônicos estadunidense. A empresa esteve em operação até 1997, quando dividida em General Semiconductor (fábrica de semicondutores), que foi posteriormente adquirida pela Vishay Intertechnology em 2001. A CommScope Tomou a divisão de produtos voltados para TV a cabo e satélite, que mais tarde voltou ao nome GI. A Corporação foi posteriormente adquirida pela Motorola e tornou-se Home Solutions da Motorola Connected, e foi renomeada como Home and Networks Mobility em 2007. Quando a Motorola foi dividida em 4 de janeiro de 2011, esta divisão tornou-se parte da Motorola Mobility . Moisés Shapiro, pai do ex-chefe de Monsanto, Robert B. Shapiro , foi Presidente entre 1969-1975. Frank G. Hickey atuou como CEO entre 1975-1990, e Donald Rumsfeld foi em 1990 a 1993.

Fonte e mais detalhes aqui.

Processamento de sinal

O Processamento de Sinais consiste na análise e/ou modificação de sinais utilizando teoria fundamental, aplicações e algoritmos, de forma a extrair informações dos mesmos e/ou torná-los mais apropriados para alguma aplicação específica. O processamento de sinais pode ser feito de forma analógica ou digital. Este processo utiliza matemática, estatística, computação, heurística e representações linguísticas, formalismos e técnicas de representação, modelagem, análise, síntese, descoberta, recuperação, detecção, aquisição, extração, aprendizagem, segurança e forense1 . Os objeto de interesse do processamento de sinais podem incluir sons, imagens, séries temporais, sinais de telecomunicações, como sinais de rádio e muitos outros.

Fonte e mais detalhes aqui.

Introdução aos Sistemas Embarcados

Um sistema embarcado é um sistema de computador (hardware + software) que possui uma função dedicada, geralmente operando dentro de um outro sistema, elétrico, mecânico, hidráulico, etc.

Sistemas embarcados são usados para controlar muitos tipos de sistemas e equipamentos atualmente, além de encontrar aplicações muito variadas, desde a área médica até comunicação e entretenimento.

Fonte e mais detalhes aqui.

Computador IAS

O computador IAS foi o primeiro computador eletrônico construído pelo Instituto de Estudos Avançados de Princeton (IAS). O artigo descrevendo o projeto do computador IAS foi editado por John von Neumann, um professor de matemática da Universidade de Princeton e do Instituto de Estudos Avançados. O computador foi construído de 1942 até 1951 sob sua direção. O computador IAS esteve em operação restrita no verão de 1951 até 10 de junho de 1952 quando se tornou operacional 1.

Fonte e mais detalhes aqui.